Publicado o edital de abertura do Concurso Público para Provimento de Vagas e Formação de Cadastro de Reserva do Quadro de Pessoal da Justiça de Primeira Instância (Justiça Comum e Juizados Especiais) do Estado de Minas Gerais (Concurso TJMG 2017).

O concurso será executado pela Consulplan.

O candidato aprovado estará sujeito à nomeação, por cargo/especialidade, para qualquer uma das comarcas do Estado de Minas Gerais. A definição da comarca na qual se dará a vaga atenderá às necessidades e prioridades da Administração.




EDITAISCARGOSINSCRIÇÃOPROVAS

A jornada de trabalho dos cargos/especialidades a que se refere o item 4 será de oito horas diárias e 40 (quarenta) horas semanais, nos termos da Resolução do TJMG nº 794, de 28 de abril de 2015.

Os candidatos que entrarem em exercício estarão sujeitos ao regime jurídico estatutário.

Escolaridade: Conclusão de curso de nível médio.

Vencimento: R$3.457,01

Cargo Especialidade Total de vagas Ampla Concorrência PCD Negros
Oficial de Apoio Judicial (Classe D) 10 7 1 2
Oficial Judiciário (classe D) Comissário da Infância e da Juventude 5 3 1 1

O valor da inscrição para o concurso é de R$ 60,00 (sessenta reais).

As inscrições no Concurso Público serão efetuadas exclusivamente pela internet, no período das 14h do dia 19 de junho de 2017 às 17h do dia 28 de julho de 2017.

O pagamento do valor da inscrição poderá ser realizado até o dia 31 de julho de 2017.

A prova objetiva de múltipla escolha, para todos os cargos/especialidades oferecidos neste Concurso, será realizada no dia 24 de setembro de 2017, das 14h às 18h, nas cidades de Belo Horizonte, Diamantina, Governador Valadares, Juiz de Fora, Montes Claros, Uberlândia e Varginha.

A prova objetiva de múltipla escolha, de caráter eliminatório e classificatório para todos
os cargos/especialidades, será composta de 80 questões: 25 de Língua Portuguesa; 15 de Noções de Informática; 25 de Noções de Direito e 15 de Atos de Ofício.

A cada questão da prova objetiva de múltipla escolha será atribuído 1 (um) ponto.

O Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa, implementado a partir de 1º de janeiro de
2009, será exigido para efeito de avaliação.

O prazo de validade do Concurso é de 2 (dois) anos, contado da data de publicação do ato de homologação, prorrogável uma vez por igual período, a critério do TJMG.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui