Nomeação SECRIANÇA DF: GDF nomeia mais 72 servidores para o sistema socioeducativo

São 46 agentes socioeducativos, 16 técnicos e 10 especialistas na área de psicologia (5), serviço social (2) e pedagogia (3)

Para reforçar o sistema socioeducativo, o governador Ibaneis Rocha assinou decreto que nomeia os mais de 72 servidores para atuar na Secretaria de Justiça e Cidadania do Distrito Federal (Sejus/DF).

São 46 agentes socioeducativos, 16 técnicos e 10 especialistas na área de psicologia (5), serviço social (2) e pedagogia (3).

A publicação saiu no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), na quarta-feira, 31 de julho.

Até o momento foram nomeados 629 servidores aprovados em concurso público da antiga Secretaria de Políticas para Crianças, Adolescentes e Juventude (Secriança), realizado em 2015.

Há previsão de mais 60 nomeações para o início de setembro. O reforço de pessoal é uma medida para aumentar o quadro de servidores e melhorar o serviço socioeducativo.

De acordo com o subsecretário do Sistema Socioeducativo da Sejus, Demontiê Alves, as nomeações fortalecem o serviço público de modo geral. “É uma ação que valoriza o servidor efetivo da carreira socioeducativa ao mesmo tempo que permite fortalecer e qualificar as ações socioeducativas dentro das unidades de internações”, ressalta.

Os novos servidores atuarão nas unidades de internação da Subsecretaria do Sistema Socioeducativo.

NOMEAÇÃO SECRIANÇA ATRS

O GOVERNADOR DO DISTRITO FEDERAL, no uso das atribuições que lhe confere o inciso
XXVII, do art. 100, da Lei Orgânica do Distrito Federal, tendo em vista na Lei Complementar nº 840/11, resolve: NOMEAR, os candidatos abaixo, aprovados no concurso público a que se refere o Edital nº 1 – SECRIANÇA-ATRS, de 25 de agosto de 2015, publicado no DODF nº 165, de 26 de agosto de 2015, Edital de Resultado Final nº 38 – SECRIANÇA-ATRS, de 22 de fevereiro de 2017, publicado no DODF nº 43, de 03 de março de 2017 e Edital nº 39 – SECRIANÇA-ATRS, de 16 de março de 2017, publicado no DODF nº 55, de 21 de março de 2017, para exercerem o cargo de Agente Socioeducativo, da Carreira Socioeducativa, do Quadro de Pessoal da Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania do Distrito Federal, em substituição às nomeações tornadas sem efeito por não terem tomado posse em tempo hábil, conforme a seguir (cargo, nome e classificação):AGENTE SOCIOEDUCATIVO: WELLINGTON BELTRAO NEVES, 506º; DAVI ALVES MORAES DE ALMEIDA, 507º; DORIVAL APARECIDO DE SOUZA, 508º; ADJAYME DE FARIA MELO, 509º; GERLANE RUFINA DE SOUSA, 510º.

O GOVERNADOR DO DISTRITO FEDERAL, no uso das atribuições que lhe confere o inciso XXVII, do art. 100, da Lei Orgânica do Distrito Federal, tendo em vista na Lei Complementar nº 840/11, resolve: NOMEAR, os candidatos abaixo, aprovados no concurso público a que se refere o Edital nº 1 – SECRIANÇA-ATRS, de 25 de agosto de 2015, publicado no DODF nº 165, de 26 de agosto de 2015, Edital de Resultado Final nº 38 – SECRIANÇA-ATRS, de 22 de fevereiro de 2017, publicado no DODF nº 43, de 03 de março de 2017 e Edital nº 39 – SECRIANÇA-ATRS, de 16 de março de 2017, publicado no DODF nº 55, de 21 de março de 2017, para exercerem o cargo de Agente Socioeducativo, da Carreira Socioeducativa, do Quadro de Pessoal da Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania do Distrito Federal, conforme a seguir (cargo, nome e classificação):

AGENTE SOCIOEDUCATIVO: JOCICERO BEZERRA SILVA JUNIOR, 511º; SUELI ALMADA, 512º; YAGO CAVALCANTE PARENTE, 513º; SARA CRISTINA FIUZA ADORNO DE SOUZA, 514º; JORGE ADAMMO GALVAO DE BARROS, 515º; IGOR BARBOSA SOUZA, 516º; THIAGO HENRIQUE DE SOUZA HERRERA, 517º; KARINA BARBOSA DE SOUZA, 518º; LUCIANE DE OLIVEIRA BARRETO, 519º; DAIANA DE FARIA VIANA, 520º; JONATAS DANIEL FERREIRA DE JESUS, 521º; EDIMAR ARAUJO LIMA, 522º; LUIZ FELIPE SARAIVA DE SOUZA, 523º; ADELIA LOPES DA SILVA, 524º; PRISCILA ALVES PEREIRA, 525º; TATIANE FERREIRA WOICIECHOSKI, 526º; MARCELO BUENO DO ROSARIO, 527º; JAKELINE FARIAS DINIZ, 528º; VALMO ALVES PEREIRA JUNIOR, 529º; EMERSON ALVES DOS SANTOS, 530º; ALAN DE ARAUJO BOTELHO, 531º; GABRIELA MATHEUS MESSIAS SILVA, 532º; AYLSON SOUZA LOPES, 533º; EDBERGIA ALVES DE SOUZA, 534º; BRUNA STHEFANY SOUZA DOS REIS, 535º; JADE DE CASSIA RICARTE NERES, 536º; VINICIUS TAVARES MACHADO, 537º; MAYARA RAFAELA SILVA BARBOSA, 538º; ROSANA GONCALVES SALDANHA, 539º; ELIETE FERREIRA DOS SANTOS, 540º; SARA BORBA VIEIRA, 541º; JOICE NIEDJA PEREIRA DA SILVA, 542º; LARISSA LOPES VIANA, 543º; THAIS MARINHO DE ARAUJO SOUZA, 544º; EMILIO MOTA GUIMARAES ROCHA, 545º; ANTONIA DE FATIMA SIQUEIRA DE BRITO, 546º; JESSICA AGUIAR RODRIGUES, 547º; BARBARA COELHO FERREIRA, 548º; AMANDA AURELIO VIEIRA, 549º; SUZANA GLEICE SANTIAGO RIOS, 550º; FERNANDO DOS SANTOS PEREIRA, 551°.

 

NOMEAÇÃO SECRIANÇA ESPAF

O GOVERNADOR DO DISTRITO FEDERAL, no uso das atribuições que lhe confere o inciso
XXVII, do art. 100, da Lei Orgânica do Distrito Federal, tendo em vista na Lei Complementar nº 840/11, resolve: NOMEAR, o candidato abaixo, aprovado no concurso público a que se refere o Edital n.º 1 – SECRIANÇA-ESPAF, de 25 de agosto de 2015, publicado no DODF nº 165, de 26 de agosto de 2015, e Edital nº 33 – SECRIANÇA-ESPAF, de 22 de fevereiro de 2016, publicado no DODF nº 43, de 03 de março de 2017, para exercer o cargo de Especialista Socioeducativo, da Carreira Socioeducativa, do Quadro de Pessoal da Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania do Distrito Federal, em
substituição à nomeação tornada sem efeito por não ter tomado posse em tempo hábil, conforme a seguir (área de atuação, nome e classificação):ESPECIALISTA SOCIOEDUCATIVO – ÁREA: PSICOLOGIA: JULIANA DE OLIVEIRA, 39º.

O GOVERNADOR DO DISTRITO FEDERAL, no uso das atribuições que lhe confere o inciso XXVII, do art. 100, da Lei Orgânica do Distrito Federal, tendo em vista na Lei Complementar nº 840/11, resolve: NOMEAR, os candidatos abaixo, aprovados no concurso público a que se refere o Edital n.º 1 – SECRIANÇA-ESPAF, de 25 de agosto de 2015, publicado no DODF nº 165, de 26 de agosto de 2015, e Edital nº 33 – SECRIANÇA-ESPAF, de 22 de fevereiro de 2016, publicado no DODF nº 43, de 03 de março de 2017, para exercerem o cargo de Especialista Socioeducativo, da Carreira Socioeducativa, do Quadro de Pessoal da Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania do Distrito Federal, conforme a seguir (área de atuação, nome e classificação):

ESPECIALISTA SOCIOEDUCATIVO – ÁREA: SERVIÇO SOCIAL: THAISA EMERICK MENEZES, 32°; ANNA SAMYRA OLIVEIRA PAIVA, 33º.

ESPECIALISTA SOCIOEDUCATIVO – ÁREA: PEDAGOGIA: JOAO PAULO ALVES DURAES, 25º; EVA ALVES DE MACEDO, 26º.

ESPECIALISTA SOCIOEDUCATIVO – ÁREA: PSICOLOGIA: LETICIA MEDEIROS DE SOUZA, 40º; ADRIANA DE LIMA MENDONCA LOPES, 41º; AMANDA PASQUA DE CASTRO, 43º; VALERIA BATISTA GAMA SANTANA, 44º.

O GOVERNADOR DO DISTRITO FEDERAL, no uso das atribuições que lhe confere o inciso XXVII, do art. 100, da Lei Orgânica do Distrito Federal, tendo em vista na Lei Complementar nº 840/11, resolve: NOMEAR, o candidato abaixo, aprovado no concurso público a que se refere o Edital n.º 1 – SECRIANÇA-ESPAF, de 25 de agosto de 2015, publicado no DODF nº 165, de 26 de agosto de 2015, e Edital nº 33 – SECRIANÇA-ESPAF, de 22 de fevereiro de 2016, publicado no DODF nº 43, de 03 de março de 2017, para exercerem o cargo de Especialista Socioeducativo, da Carreira Socioeducativa, do Quadro de Pessoal da Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania do Distrito Federal, em decorrência da solicitação de reposicionamento para o final da lista de classificação, conforme a seguir (área de atuação, nome e classificação):

ESPECIALISTA SOCIOEDUCATIVO – ÁREA: PEDAGOGIA: SILAS DA COSTA MEIRELES FILHO, 9º.

NOMEAÇÃO SECRIANÇA ESPAM/TECS

O GOVERNADOR DO DISTRITO FEDERAL, no uso das atribuições que lhe confere o inciso XXVII, do art. 100, da Lei Orgânica do Distrito Federal, tendo em vista na Lei Complementar nº 840/11, resolve: NOMEAR, os candidatos abaixo, aprovados no concurso público a que se refere o Edital nº 1 – SECRIANÇA-ESPAM/TECS, de 25/08/2015, publicado no DODF nº 165, de 26/08/2015, e com resultado final Edital nº 19 – SECRIANÇA-ESPAM/TECS, de 19/09/2016, publicado no DODF nº 179, de 21/09/2016, retificado pelo Edital nº 20 – SECRIANÇA-ESPAM/TECS, de 24/10/2016, publicado no DODF nº 204, de 27/10/2016, para exercerem o cargo de Técnico Socioeducativo, da Carreira Socioeducativa, do Quadro de Pessoal da Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania do Distrito Federal, em substituição à nomeação tornada sem efeito em decorrência da solicitação de reposicionamento para o final da lista de classificação e em decorrência do não comparecimento para posse em tempo hábil, conforme a seguir (área de atuação, nome e classificação):

TÉCNICO SOCIOEDUCATIVO – ÁREA: ADMINISTRATIVA: RAISSA MORAES CHAGAS, 130º; LILIANE NOGUEIRA DE SOUSA, 131º; RAUCIANE GOMES, 132º; ALESSANDRO ARAUJO DA SILVA RODRIGUES, 134º; CAMILA TAMARA FALKENBERG, 135º; DANIELA BARBOSA DE LIMA, 137º.

O GOVERNADOR DO DISTRITO FEDERAL, no uso das atribuições que lhe confere o inciso XXVII, do art. 100, da Lei Orgânica do Distrito Federal, tendo em vista na Lei Complementar nº 840/11, resolve: NOMEAR, os candidatos abaixo, aprovados no concurso público a que se refere o Edital nº 1 – SECRIANÇA-ESPAM/TECS, de 25 de agosto de 2015, publicado no DODF nº 165, de 26 de agosto de 2015, e Edital nº 20 – SECRIANÇA-ESPAM/TECS, de 24 de outubro de 2016, publicado no DODF nº 204, de 27 de outubro de 2016, para exercerem o cargo de Técnico Socioeducativo, da Carreira Socioeducativa, do Quadro de Pessoal da Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania do Distrito Federal, conforme a seguir (área de atuação, nome e classificação):

TÉCNICO SOCIOEDUCATIVO – ÁREA: ADMINISTRATIVO: RAFAELA MOREIRA DOS SANTOS, 138º; JONATHAS RAFAEL CAMACHO TEIXEIRA DOS SANTOS, 141º; RONEY FERREIRA DA CUNHA, 142º; RAYSSA VIEIRA DE ASSIS, 143º; THIAGO RENAN SALOMAO VISGUEIRA, 144º; ANTONIO MARCOS LEAL FERREIRA, 145º; EDIELSON CRISOSTOMO DOS SANTOS, 146º; ALLANE DAYNARA SOBRINHO CARVALHO, 147º; JOABE DO PRADO PIRES, 149º; NATALIA NASCIMENTO MIRANDA, 150º.

A Subsecretaria do Sistema Socioeducativo passou a integrar a Sejus desde janeiro deste ano. Uma das metas do secretário é dar continuidade ao I Plano Decenal de Atendimento Socioeducativo do Distrito Federal – PDASE –, com diretrizes a serem cumpridas em favor dos direitos da infância e adolescência.

Nomeação SECRIANÇA DF: GDF nomeia mais 72 servidores para o sistema socioeducativo
Nomeação SECRIANÇA DF: GDF nomeia mais 72 servidores para o sistema socioeducativo

O plano traz 5 eixos temáticos: Promoção dos Direitos, Proteção e Defesa dos Direitos, Participação de Crianças e Adolescentes, Controle Social da Efetivação dos Direitos e Gestão da Política. Atualmente as medidas socioeducativas preveem a Prestação de Serviços à Comunidade (PSC), Liberdade Assistida (LA) e a Semiliberdade e Internação. Todos os adolescentes vinculados ao Sistema Socioeducativo devem ser atendidos de modo integral, ou seja, com a garantia de seus direitos e acesso a serviços sociais.

Foi nomeado Saiba qual o próximo passo

Perícia Médica

* A solicitação dos exames médicos pode ser feita por um médico da escolha do(a) candidato(a).

* Ou se preferir, o(a) candidato(a) pode retirar a solicitação dos exames na Gerência de Perícias Médicas (GPM/CPM/SUBSAÚDE/SEAP).

* Os eventuais custos decorrentes da realização dos exames médicos correrão por conta do(a) candidato(a).

* Assim que estiver com todos os exames providenciados, o candidato deverá agendar a inspeção médica junto à Gerência de Perícias Médicas(GPM/CPM/SUBSAÚDE/SEAP).

Endereço: GPM/CPM/SUBSAÚDE/SEAP: SGON, Área Especial, Quadra 01, Escola de Governo (antigo IDR), térreo.

Telefone de contato: 3349-8187

Atenção: Os candidatos aprovados em concursos das Secretarias de Educação e Saúde devem ser submetidos às perícias nos respectivos serviços médicos daqueles Órgãos.

Posse e Exercício

* De acordo com o §1º do art. 17 da Lei Nº 840, de 23 de dezembro de 2011, a partir da publicação do ato de nomeação no DODF, o candidato terá o prazo de 30 (trinta) dias para tomar posse.

* O prazo para entrar em exercício é de 05(cinco) dias úteis. O candidato poderá entrar em exercício no dia da posse.

Entrega da documentação

Depois de ter sido submetido à Perícia Médica e de posse do Laudo da Inspeção Médica, o(a) candidato(a) deverá entregar todos os documentos no local designado no telegrama.

Maiores informações

Procurar a Área de Gestão de Pessoas do Órgão de nomeação. Endereços e telefones para contato estão disponíveis no Portal do Governo do Distrito Federal e nos Sítios Oficiais dos respectivos Órgãos.

Com informações agenciabrasilia.df.gov.br


Comentários


CONCURSOS 2020: clique aqui e confira as oportunidades para este ano!
CONCURSOS ABERTOS: veja aqui os editais publicados e garanta a sua vaga!
CONCURSOS DF 2020: principais concursos previstos para o DF em 2020!