Curtinhas da semana: 13/10

Transpetro: 273 vagas imediata.

Publicado nesta segunda-feira, dia 7, no Diário Oficial da União, os editais para provimento de 602 vagas na Petrobrás Transporte, a Transpetro. As remunerações variam de R$3.148 a R$5.614. Os candidatos poderão concorrer aos cargos de moço de convés, condutor mecânico, moço de máquinas, auxiliar de saúde, taifeiro, 2º oficial de náutica e 2º oficial de máquinas. As inscrições seguem abertas até o dia 31 de janeiro de 2014.

 Direito: 22 vagas.

O Ministério Público de Contas do Estado de Mato Grosso (MPC-MT) abre concurso para 22 vagas para o cargo de analista de contas (direito). A remuneração de início de carreira é de R$6.448,62 podendo chegar no final à R$15.241,46. As inscrições serão realizadas via internet, através da página da Fundação Carlos Chagas (FCC), até às 14h do dia 28 de outubro, no horário de Brasília.

 STF: edital atrasado.

O edital para o próximo concurso do Supremo Tribunal Federal (STF) vai sofrer um pequeno atraso. Isto porque, segundo fontes do órgão, o documento ainda passa por ajustes finais, que não serão finalizados até lá. Porém, o edital deve sair em pouco tempo. A seleção deverá contemplar vagas para os cargos de técnico judiciário (nível médio ou médio/técnico) e analista judiciário (nível superior). A remuneração inicial para o cargo de técnico é de R$4.575,16, já para os que exercem a função de analista, a remuneração é de R$7.506,55. Vale lembrar que a última seleção para o órgão, realizado em 2008, ofertou inicialmente 188 vagas, sendo 77 para técnico judiciário, nas áreas administrativa e apoio especializado; e 111 para analista judiciário; especialidades judiciária, administrativa – contabilidade – e apoio especializado – análise de sistemas de informação, arquitetura, biblioteconomia, enfermagem, engenharia mecânica, medicina, odontologia, revisão de texto, e suporte em tecnologia da informação.
Ao todo, foram convocados 991 aprovados.

UFMT:  184 vagas com salários de até R$3.511.

A Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) inicia concurso para preenchimento de 184 vagas sendo para os níveis fundamental, médio e superior. As remunerações variam de R$1.920,23 e R$3.511,70. As inscrições podem ser efetuadas das 8h do dia 21 de outubro até às 23h59 do dia 10 de novembro, pela página da UFMT.

CRM: anuncia organizadora nos próximos dias.

O Conselho Regional de Medicina do Mato Grosso do Sul (CRM-MS) divulga nos próximos dias a organizadora de seu próximo concurso. Apesar de já ter escolhido uma instituição, o órgão aguarda o fim do prazo de recursos das demais participantes para informar a contemplada. A seleção trará vagas para os níveis fundamental, médio e superior. Os salários iniciais vão de R$798,45 a R$3.761,13. As oportunidades serão para atuação em Campo Grande, capital, e nas cidades de Dourados, Três Lagoas e Corumbá.

Receita Federal: novo concurso.

O Ministério do Planejamento começa a movimentar-se para a abertura de novo concurso que poderá contemplar 1.600 vagas de analista-tributário e 1.400 vagas de auditor-fiscal da Receita Federal. Ambos os cargos são exigidos o ensino superior completo e a remuneração inicial de R$8.768,88 e R$14.653, respectivamente. O Ministério da Fazenda já informou que tem empenhado todos os esforços para suprir as necessidades de pessoal dos órgãos fazendários e, especificamente, no que diz respeito à Receita Federal para fazer frente à demanda de operação ininterrupta nos portos e aeroportos, assim como da realização de grandes eventos internacionais no país.

MTE: mais vagas a caminho.

Segundo informações da Assessoria de Imprensa do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), o órgão já começou o processo de escolha da organizadora do concurso para 450 vagas para área administrativa, das oportunidades, 415 são para agente administrativo, nível médio e as outras 35 vagas são para a função de contador, nível superior da área. A remuneração é de R$2.946,22 e R$4.354,42, respectivamente. No último concurso para a carreira, realizado em 2008, mais de 300 mil pessoas se inscreveram para a disputa. O concurso foi autorizado em setembro e o edital poderá ser divulgado ainda este mês. Mas para o secretário–geral da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal (Condsef), José Milton da Costa, considerou irrisória a oferta de 450 vagas do novo concurso para área administrativa do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), autorizado pelo Ministério do Planejamento no fim do mês passado. “O quadro de pessoal do MTE se encontra bastante defasado. Por isso, apenas essas vagas não serão o bastante para suprir as necessidades.”

ANTAQ: agência espera concurso para preencher 202 vagas.

O Ministério do Planejamento já recebeu o pedido de concurso para a Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) para 202 vagas, sendo 23 para técnico administrativo, 80 para técnico em regulação de serviços de transportes aquaviários, 22 para analista administrativo e 77 para especialista em regulação de serviços de transportes aquaviários. A remuneração atual para o nível médio é de R$5.138,18 (tec. administrativo) e R$5.357,98 (tec. regulação). Para os cargos de analista e especialista, ambos de nível superior, as remunerações são de R$9.636,20 e R$10.392,20, respectivamente. Lembrando que a última seleção da Antaq para essas carreiras foi realizada em 2009, organizada pelo Cespe/UnB e composta por provas objetiva e discursiva. Para especialistas, ainda houve outras duas etapas: análise de títulos e curso de formação.

Curtinhas da semana: 13/10
Curtinhas da semana: 13/10

ANAC: pedido de 386 vagas está sendo analisado.

É grande a expectativa por novo concurso da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). O pedido de realização da seleção já foi encaminhado para o Ministério do Planejamento. A solicitação é para o provimento de 386 vagas, para os seguintes cargos: técnico administrativo, técnico em regulação de aviação, especialista em regulação de aviação e analista administrativo. A remuneração vai de R$5.133,18 a R$10.392,20. No último concurso do órgão, realizado em 2012, as oportunidades contemplaram os estados do Rio de Janeiro, Distrito Federal e São Paulo. A Anac ainda tem unidades em São José dos Campos (SP), bem como 21 núcleos de aviação civil espalhados pelas capitais e outras cidades do país, além de um centro de treinamento, no Rio. As avaliações da seleção do ano passado contaram com provas objetivas, discursivas e de títulos (esta somente para as funções de nível superior). Também houve curso de formação, para os especialistas em regulação de aviação. O Cespe/UnB foi o organizador.

TC-DF: anuncia concurso para cargos de 2° e 3° graus.

Foi divulgado no Diário Oficial do Distrito Federal do dia 9 que o Tribunal de Contas (TC-DF) iniciou os procedimentos para abertura de um novo concurso público, para os níveis médio e superior. Serão 69 vagas, sendo 12 para o 2° grau e 57 para o 3°, além de formação de cadastro em um total de 12 cargos/especialidades. Haverá 12 oportunidades para técnico de administração pública, cargo do nível médio. Para o superior, serão 19 para auditor de controle externo e 38 para analista de administração pública, que se divide entre as seguintes especialidades: Arquivologia (2), Biblioteconomia (5), Psicologia (2) e Serviços Técnicos e Administrativos (29). O último concurso do TC-DF para diversos cargos foi realizado em 2011, contando com 29 vagas de nível superior.

INCA: abre concurso este ano, para 583 vagas.

O Instituto Nacional de Câncer (Inca), referência no tratamento e prevenção de câncer no Brasil, vai realizar concurso ainda este ano. O Ministério da Saúde irá destinar 583 vagas para o instituto, que, no momento, está fazendo um levantamento de quais cargos serão contemplados. A remuneração inicial do quadro de pessoal do Inca é de até R$8.107,53 para o cargo de nível superior e doutorado, já para os cargos de nível médio/técnico o salário inicial pode chegar à R$4.464,11 se o técnico possuir doutorado.  Na última seleção, realizada em 2009, foram abrangidas 100 especialidades destas quatro carreiras. Para técnico, houve oportunidades para técnico em enfermagem, técnico em radiologia e técnico em laboratório, por exemplo. Já para assistente, as vagas foram para as áreas de apoio administrativo (nível médio) e enfermagem do trabalho (para técnico em enfermagem). Para analista, algumas especialidades eram abertas aos graduados em qualquer área. Para outras, era preciso ter formação em medicina do trabalho, engenharia ou arquitetura. Para tecnologista, houve vagas para graduados em diversas áreas, entre as quais biblioteconomia, assistência social, biologia, farmácia, desenho industrial, enfermagem e diversas outras.

TRT-2: Carlos Chagas vai organizar o concurso (2º e 3º graus).

Foi dado mais um passo rumo à abertura do concurso para a área de apoio do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT-2), com sede na cidade de São Paulo. Foi publicado no Diário Oficial da União desta segunda, dia 7, o extrato de dispensa de licitação para a contratação da Fundação Carlos Chagas (FCC) como organizadora da seleção. Embora ainda não tenha uma data exata para a publicação do edital, é certo que ele será liberado ainda este ano. Ainda não foi definida a quantidade de vagas que será disponibilizada no concurso. Há perspectiva que sejam abertas 322 vagas. Destas, 220 para técnico e 102 para analista. Mas até a publicação do edital esse número pode crescer. Os vencimentos iniciais, já reajustados, são de R$4.636 para técnico e R$9.188, para analista. O último concurso do TRT-2, realizado em 2008, também ficou a cargo da Fundação Carlos Chagas (FCC), e contou com 94.808 inscritos.

TRT-15: saiu edital para técnico e analista, até R$9.188 mensais.

O Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região, com sede em Campinas (TRT15), publicou nesta quarta-feira, dia 2, no Diário Oficial da União, o edital de seu concurso público para técnicos e analistas. As remunerações variam de R$4.635,03 a R$9.188,20, de acordo com a área de atuação. A seleção visa o preenchimento de duas vagas imediatas, além de formação de cadastro de reserva. As inscrições vão do próximo dia 14 até 7 de novembro e podem ser realizadas no site da organizadora, a Fundação Carlos Chagas (FCC). O cargo de analista judiciário conta com oferta nas áreas judiciária, administrativa e apoio especializado, está última dividida entre as especialidades de arquivologia, biblioteconomia, contabilidade, engenharia civil, psicologia, serviço social e tecnologia da informação. Já para técnico judiciário as oportunidades são para a área administrativa, de segurança e apoio especializado em tecnologia da informação. Para concorrer a analista da área judiciária é necessário ensino superior em direito, já para apoio especializado é necessário curso superior na área de atuação. Para analista na área administrativa é necessário nível superior em qualquer área. O cargo de técnico conta com exigência de nível médio completo. Para a área de segurança ainda é necessário possuir Carteira Nacional de Habilitação (CNH) no mínimo de categoria “D”, enquanto para área de tecnologia da informação a exigência é de curso técnico na área de informática. As taxas de inscrição são de R$82,80 para analistas e R$67,80 para técnicos.

Parado: concurso para especialista é suspenso pelo TRF-1.

Está suspenso o concurso para especialista em políticas públicas e gestão governamental (EPPGG), do Ministério do Planejamento. A decisão foi tomada pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), que acredita na possível supervalorização da experiência profissional em atividade gerencial, com pontuação de até 150 pontos, três vezes mais do que as outras atividades. Com a suspensão, a prova discursiva marcada para o dia 20 não tem previsão de realização. O TRF-1 decidiu por paralisar a seleção após um pedido de liminar (0034718-86.2013.4.01.3400) da Associação Nacional dos Especialistas em Políticas Públicas (Anesp). De acordo com o juiz federal do TRF-1, Márcio Barbosa Maia, essa circunstância repercute nos princípios da competitividade, isonomia, moralidade, transparência, impessoalidade e objetividade da seleção.


Comentários


CONCURSOS 2020: clique aqui e confira as oportunidades para este ano!
CONCURSOS ABERTOS: veja aqui os editais publicados e garanta a sua vaga!
CONCURSOS DF 2020: principais concursos previstos para o DF em 2020!