Concurso PRF: Edital com 500 vagas ainda não tem cronograma definido

A Polícia Rodoviária Federal informou nesta terça-feira, 06 de novembro, que o edital do concurso público (Concurso PRF 2018) 500 vagas ainda está sem cronograma definido. Segundo informações da assessoria de imprensa da PRF, a comissão organizadora do concurso e o CESPE estão reunidas para tratar dos últimos detalhes do edital.

Segundo o Departamento de Polícia, a publicação do edital segue o prazo legal de seis meses desde que a portaria de autorização do certame foi publicada.

Quanto ao prazo de publicação do edital, a assessoria da PRF informou que o edital está dentro do prazo legal previsto na portaria de autorização. No entanto, a PRF trabalha para que o edital seja divulgado o quanto antes.

O concurso PRF é uma das seleções mais aguardadas do país e a oferta será de 500 vagas para o cargo de Policial Rodoviário Federal. A banca organizadora do certame é o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe).

CONTRATO ASSINADO COM O CEBRASPE

O extrato de contrato entre o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) e a Polícia Rodoviária Federal foi divulgado no Diário Oficial da União (DOU) na data de 29/10/2018. A expectativa é de que o edital do Concurso PRF 2018 seja divulgado ainda este mês. O valor estimado do contrato é de aproximadamente R$12,8 milhões.

Segundo informações da assessoria de imprensa da PRF, a comissão organizadora do concurso e o Cespe/Cebraspe estarão reunidas para tratar dos últimos detalhes do edital PRF 2018, que ainda não tem uma data específica para ser lançado.

Veja o extrato do contrato na íntegra abaixo:

concurso prf extrato edital - Concurso PRF: Edital com 500 vagas ainda não tem cronograma definido

EDITAL PRF 2018

A corporação não tem dado informações sobre a data de publicação ou a previsão para realização das provas, mas tem se reunido com a banca nos últimos dias para fazer os ajustes finais do edital e afirma que há pressa em divulgar o documento, devido a urgência em suprir o déficit de servidores no quadro de pessoal.

De acordo com o diretor-geral da Polícia Rodoviária Federal, Renato Dias, os policiais em exercício já estão atuando no seu limite, o que evidencia a importância de uma nova seleção. De acordo com o representante da PRF, o anúncio do novo concurso é uma excelente notícia para a corporação.

Caso o edital seja publicado nesta semana ou na próxima, as provas podem acontecer apenas em 2019, devido ao prazo que o concurso exige após a divulgação do documento, como o período de inscrições e divulgação dos locais de provas.

Com a finalidade de auxiliar na preparação para o edital que está iminente, o Gran Cursos Online preparou um Treinamento Intensivo, com aulões imperdíveis para você se preparar para a sua prova.

A Dispensa de Licitação que oficializa a escolha do Cespe/Cebraspe como a banca organizadora do concurso da Polícia Rodoviária Federal (Concurso PRF 2018) foi publicada no Diário Oficial da União do dia 19 de outubro.

A Justificativa da contratação, conforme divulgado no portal de compras do Governo Federal, o “Comprasnet”, é que o CESPE é uma associação sem fins lucrativos voltada ao ensino, pesquisa científica, desenvolvimento tecnológico e institucional (veja abaixo).

concurso prf1 - Concurso PRF: Edital com 500 vagas ainda não tem cronograma definido

CONCURSO AUTORIZADO EM JULHO DESTE ANO

A Portaria de autorização do concurso público da Polícia Rodoviária Federal (PRF) foi publicada em julho deste ano. De acordo com a Portaria o edital deve ser publicado em até 180 dias.

Veja abaixo a publicação da Portaria nº 236:

GABINETE DO MINISTRO
PORTARIA Nº 236, DE 25 DE JULHO DE 2018

O MINISTRO DE ESTADO DO PLANEJAMENTO, DESENVOLVIMENTO E GESTÃO, no uso de suas atribuições, e tendo em vista a delegação de competência prevista no art. 10 do Decreto nº 6.944, de 21 de agosto de 2009, resolve:

Art. 1º Autorizar a realização de concurso público para o provimento de 500 (quinhentos) cargos, de nível superior, de Policial Rodoviário Federal do quadro de pessoal do Departamento de Polícia Rodoviária Federal.

Art. 2º O provimento dos cargos a que se refere o art. 1º dependerá de prévia autorização do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão e está condicionado:

I – à existência de vagas na data de publicação do edital de abertura das inscrições para o concurso público; e

II – à declaração do ordenador de despesa responsável, quando do provimento dos cargos, sobre a adequação orçamentária e financeira da nova despesa à Lei Orçamentária Anual e sua compatibilidade com a Lei de Diretrizes Orçamentárias, demonstrando a origem dos recursos a serem utilizados.

Art. 3º A responsabilidade pela realização do concurso público será do Ministro da Segurança Pública, a quem caberá editar as respectivas normas, mediante a publicação de editais, portarias ou outros atos administrativos necessários, de acordo com as disposições do Decreto nº 6.944, de 21 de agosto de 2009.

Art. 4º O prazo para a publicação do edital de abertura do concurso público será de até 6 (seis) meses, contado a partir da publicação desta Portaria.

Art. 5º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.

Concurso PRF: Edital com 500 vagas ainda não tem cronograma definido
Concurso PRF: Edital com 500 vagas ainda não tem cronograma definido

ESTEVES PEDRO COLNAGO JÚNIOR

 

CARREIRA DE POLICIAL RODOVIÁRIO FEDERAL

A carreira de policial rodoviário federal foi criada pela Lei nº 9.654, de 2 de junho de 1998.

Os servidores nomeados para o cargo de policial iniciam a carreira ocupando o padrão I da terceira classe e, de acordo com o desempenho das atribuições, são promovidos e progridem até alcançarem o padrão III da classe especial, conforme a alteração feita pela Lei nº 12.775, de 28 de dezembro de 2012.

Os critérios para progressão e promoção na carreira estão regulamentados pelo Decreto nº 8.282, de 3 de julho de 2014.

A estrutura da PRF existem as carreiras de policial rodoviário federal e de agente administrativo. Em ambas, o ingresso dar-se-à mediante aprovação em concurso público.

Carreira Policial Rodoviário Federal

Cargo: Policial Rodoviário Federal

CLASSEPADRÃOATIVO SUBSÍDIO (em R$)APOSENTADO SUBSÍDIO (em R$)
ESPECIALlll15.839,5615.839,56
ll15.427,0215.427,02
l15.026,5115.026,51
PRIMEIRAVl14.270,8214.270,82
V13.903,9813.903,98
lV13.547,8213.547,82
lll13.202,0413.202,04
ll12.866,3312.866,33
l12.540,4012.540,40
SEGUNDAVl11.674,3011.674,30
V11.575,3011.575,30
lV11.477,2911.477,29
lll11.380,2511.380,25
ll11.284,1611.284,16
I11.189,0311.189,03
TERCEIRAlll9.630,309.630,30
ll9.551,559.551,55
I9.473,579.473,57

 

>> Inicie Já Sua Preparação. Cursos Online com Início Imediato <<

APOSENTADORIAS

Segundo o Painel Estatístico de Pessoal do Ministério do Planejamento, 373 servidores da Polícia Rodoviária Federal se aposentaram em 2017, sem que as reposições necessárias fossem feitas.

Segundo a corporação, mais 3.227 profissionais poderão se aposentar este ano.

ÚLTIMO CONCURSO DA PRF

Os últimos dois concursos da Polícia Rodoviária Federal (Concurso PRF) foram realizados pelo Cespe/Cebraspe.

Em 2012 foram oferecidas vagas para:

  • Técnico de Nível Superior – 1
  • Técnico em Assuntos Educacionais – 3
  • Agente Administrativo – 67

Em 2013, foram oferecidas 1.000 vagas para o cargo de Policial Rodoviário Federal.

INICIE SEUS ESTUDOS

E agora, mais do que nunca, você deve iniciar seus estudos, pois os concursos da PRF sempre atraem quantitativo alto de inscritos.

Em 2012 foram 19.849 candidatos inscritos que disputavam as 71 vagas.

Já em 2013, foram 109.769 candidatos inscritos que disputavam as 1.000 vagas.

CONHEÇA A CARREIRA

Em entrevista concedida, o professor Vinicius Moraes Godinho explica sua trajetória para conseguir ser aprovado no concurso PRF de 2004. “Estudei por 5 meses e 11 dias. Nos dias de semana, por volta de 4 horas mais as horas de aulas; nos sábados, 8 horas de estudo e no domingo, voltava para 4 horas”, explica.

Vinicius analisa o diferencial da PRF, sua progressão na carreira, “a Polícia Rodoviária Federal é a única polícia da União que tem uma carreira única em que o aprovado sabe que vai entrar como policial de terceira classe e se aposentar como policial especial. Guardada as devidas proporções, é como entrar na Polícia Militar como soldado e se aposentar como coronel sem prestar outro concurso”.

Veja a entrevista completa com o Vinicius Moraes Godinho.

O Gran Cursos Online preparou um curso exclusivo para o certame, abordando toda a parte teórica do último edital, com professores (delegados federais, policiais rodoviários federais, juízes,promotores, procuradores, doutores, mestres, especialistas) renomados no mercado educacional.


Comentários


CONCURSOS 2020: clique aqui e confira as oportunidades para este ano!
CONCURSOS ABERTOS: veja aqui os editais publicados e garanta a sua vaga!
CONCURSOS DF 2020: principais concursos previstos para o DF em 2020!